O CALVÁRIO  NA IGREJA DO SANTO SEPULCRO – Aqui estava uma Cruz, sobre a qual o Filho de Deus foi pendurado com dor cruciante, torturado até à morte por nós e pelos nossos pecados. Jesus, o Amor eterno, foi morto pelo ódio. Ainda assim, mesmo na hora da morte Ele respondeu à maldade dos Seus inimigos com a oração: “Pai, perdoa-Ihes, porque não sabem o que fazem” (Lucas 23.34). Calvário! Uma Cruz eleva-se aos céus. Proclama o triunfo do Amor, que em meio ao ódio e escárnio, tormentos e agonia, nada mais fez do que amar. Até o momento da morte, prevaleceu o amor, derrotando assim o inferno e o reino dos mortos. Com isso o madeiro da maldição tornou-se a árvore da vida, onde os pecadores encontram a cura; onde os homens experimentam a redenção e se tornam novas criaturas, pelo sangue do Cordeiro. A Cruz do Calvário! Que poder salvador dela emana! Alcança até o céu e eleva os pecadores, que crêem no Senhor Crucificado, até o reino da glória. Alcança o inferno, fazendo-o tremer. Os seus braços estão estendidos, alcançando os confins do mundo, a fim de chamar os pecadores de volta para Deus. A misericórdia ganhou a vitória, e quer estabelecer essa vitória em você e em mim, a fim de que possamos ser redimidos e transformados na imagem de Jesus. Portanto, venha, e traga todo o seu pecado e a sua culpa para a Cruz. Somente ali, e em nenhum outro lugar, você receberá perdão, paz, alegria e salvação. Você se tornará uma nova pessoa, transformada na imagem do amor, e você refletirá bondade, compaixão e um amor cheio de perdão.

Tomaram eles, pois, a Jesus, e Ele próprio, carregando a Sua cruz, saiu para o lugar chamado Calvário, Gólgota em hebraico, onde o crucificaram. João 19.17,18a

Somente podemos agradecer a Jesus pela Sua redenção, quando escolhemos seguir a Sua vereda de amor – o amor que não se esquiva ao sofrimento, mas que se sacrifica e até mesmo ora pelos seus inimigos. (Texto de uma placa na parede da Igreja do Redentor, no final da Via Dolorosa)

Faça uma viagem  à Terra Santa  ligue:(11) 3257-9211