1 ago 2011
geografia de israel nos tempos biblicos

O melhor meio para se representar o país da Bíblia é imaginar seis faixas justapostas orientadas de norte a sul. A primeira dessas faixas é constituída pela planície costeira. Esta começa 20 quilômetros a norte de Aco, onde a sua largura não ultrapassa 5 quilômetros, para atingir gradualmente 13 quilômetros por alturas da baía de Haifa. Aí é cortada pelo monte Carmelo, a sul do qual é retomada, com uma largura de 4 quilômetros, num comprimento de 30 quilômetros. A sul do Naal Tanimim, a planície costeira alarga-se de novo para atingir 20 quilômetros na intersecção do vale do Aialon,  [ Read More ]

Continue
13 dez 2010
O-CALVÁRIO-NA-IGREJA-DO-SANTO-SEPULCRO

O CALVÁRIO  NA IGREJA DO SANTO SEPULCRO – Aqui estava uma Cruz, sobre a qual o Filho de Deus foi pendurado com dor cruciante, torturado até à morte por nós e pelos nossos pecados. Jesus, o Amor eterno, foi morto pelo ódio. Ainda assim, mesmo na hora da morte Ele respondeu à maldade dos Seus inimigos com a oração: “Pai, perdoa-Ihes, porque não sabem o que fazem” (Lucas 23.34). Calvário! Uma Cruz eleva-se aos céus. Proclama o triunfo do Amor, que em meio ao ódio e escárnio, tormentos e agonia, nada mais fez do que amar. Até o momento da  [ Read More ]

Continue
13 dez 2010
capela-fragelação

A CAPELA DA FLAGELAÇÃO – Como podemos encontrar Jesus aqui? Vendo-O, em espírito, diante de nós – açoitado, e espancado quase até a morte, tendo o Seu corpo coberto de chagas. Como pôde Jesus suportar tão paciente este tormento? Pois Ele não estava sofrendo como um pecador igual a nós, que merecemos sofrer. Somente o amor levou-O a passar por tal agonia – um ato que supera todo entendimento humano. Jesus sabe quanta angústia trazem à humanidade os pecados da carne, tais como: a impureza, a concupiscência e a lascívia. As conseqüências, que são muitas e variadas, podem ser vistas  [ Read More ]

Continue